domingo, 2 de abril de 2017

Empreendedorismo animal

Não é o que estão pensando, um empreendedorismo brutal,  a qualquer custo, fatal.

Assistindo programa na TV que trazia animais no seu habitat natural, me ocorreu de associar uma coisa com a outra e fazer a leitura de cada contexto natural, resgatando sua essência para aplicá-lo ao empreendedorismo.

A natureza é rica de exemplos, haja vista a própria Biomimética, que a tomou como fundamentação teórica para seus estudos, inventos e avanços.

Do mesmo jeito que a Biomimética se inspira na natureza, esta pode ir ao encontro do empreendedor para ajudá-lo, basta observá-la.

A idéia aqui é extrair o que há de  nos seres vivos animados da natureza, alguns que conhecemos de perto, outros que apenas vemos pelo vídeo ou canal aberto. Então, vamos lá!

Temos a luz do vaga-lume, necessária para enxergarmos um pouco mais na escuridão diária, pelo menos na situação necessária.

Com a paciência da tartaruga para persistir e resistir a tudo que nos contém, conseguimos conquistar aquilo que nos convém.

Temos a transformação da lagarta em borboleta, anunciando que devemos deixar o casulo e voar, deixando para trás a limitação e o arrastar.

Se prestarmos a atenção, temos também que ladrar como um cão, para espantar aqueles que tentam roubar a ideia ou mesmo sabotar a ação.

Mas, o que me dizem da leoa, que protege com garras e dentes o filhote que acabou de nascer? É preciso agir como tal, afinal é a sua cria que deverá crescer.

Indo de encontro aos céus, avistamos a águia, poderosa, certeira, que mira seu alvo e ataca com destreza, cumprindo seu objetivo com proeza.

E no mar? Tem algo lá que podemos mencionar? Com certeza, os golfinhos, inteligência a toda prova, que têm um networking incrível ao se comunicar com muitos ao mesmo tempo, em sintonia e harmonia.

E o que me dizem do sapo, que se arrisca a cada pulo mortal, tentando pegar a presa para se alimentar de forma orbital?

São esses e muito mais, quem quiser saber mais, que vá atrás, entrou por uma porta e saiu pela outra, quem quiser que conte outra.


Eles nos passam mensagens e exemplos de luz, persistência, resistência, transformação, ação, crescimento, visão, comunicação, sintonia, risco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário