terça-feira, 8 de março de 2011

Dia Internacional da Mulher


Mulher!
Conquistastes teu espaço, és reconhecida na sociedade. Nem de seda, nem de aço, és apenas realidade.
De ser não influente, ignorado e sem opinião, a cidadã atuante e votante, concorrente a cargo em eleição.
Da leitura de casamento arranjado, contratado e de dote, ao direito do homem amado, conforme sua escolha ou sorte.
De quem estou falando?...
Da minha mãe, filha e irmã, das minhas primas, amigas, colegas e vizinhas, de qualquer mulher cidadã, das minhas tias, cunhadas e madrinhas, todas elas, sejam professora, médica, executiva ou artesã.
No entanto, muito ainda falta conquistar... 
Direitos iguais, para deveres iguais, salários iguais, para postos iguais.
Se é o mesmo contexto, vamos fazer a mesma leitura.
Vamos avançar! Queremos mais...
Pois ainda há quem diga: 
__ Conseguiu, apesar de ser mulher...
Vamos avançar! 
Há e haverá quem diga onde estiver:
__ Conseguiu, é uma grande mulher!
Os exemplos estão por aí...
De Maria, Mãe de Jesus à D. Maria, mãe de José.
Apenas mulher ou toda mulher?
Que digam os homens...

AnaLu




5 comentários:

  1. Ana Parabéns a todas nós, batalhadoras diárias, mulher, companheira, amiga, mãe, amante, colega de trabalho, ser humano que trabalha em tempo integral.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Pois é... Acho que nosso dia é todo dia.
    bjs.

    ResponderExcluir
  3. Ana,
    Gostei.
    "Nem de seda,nem de aço,és apenas realidade"
    " Que digam os homens"...

    ResponderExcluir
  4. Nossa Ana adorei, você como sempre surpreendendo. Beijão

    ResponderExcluir