domingo, 4 de janeiro de 2015

"Ideias em retalhos: sem rodeios nem atalhos"



O caso é que o acaso nos aproximou, foi durante o ocaso de 2014. Trocamos algumas mensagens online e, mesmo de longe, passei a conhecê-la mais de perto, tanto pelas palavras carinhosas, como a partir de pequenos trechos da sua obra Ideias em retalhos: sem rodeios nem atalhos.

E agora, na aurora de 2015, Leitura e Contexto traz, além da capa, passagens do preâmbulo e da resenha dessa obra, em que, Maria das Graças Targino, sem maior pretensão, apenas se mostra sem medo, revelando sinceridade e emoção de viver, por intermédio de uma variedade de temas do seu cotidiano, que pode ser meu ou de qualquer um. 

Portanto, para conhecer e se encantar de pronto com Ideias em retalhos: sem rodeios nem atalhos:



São temas que podem interessar a um e outro, porque tratam, literalmente, de ideias em retalhos: sem rodeios nem atalhos. Não há uma sequência rígida. Não há imposições. Os textos nem seguem rótulos nem tampouco fórmulas, o que permite sua leitura a torto e a direito, sem sequência rígida e distante de qualquer engessamento.
[...] 
Nada disso, de fato, me importa, uma vez que escrevo para viver. Eis minha forma de sobreviver à hipocrisia que permeia grande parte das relações humanas. Eis minha resposta às traições que atingem a qualquer um em diferentes circunstâncias de vida. Eis minha forma de dizer em alto brado que prossigo viva e vívida.

Maria das Graças Targino 
Autora
Agosto 2014


***

[...] 
A presente reunião de textos revela as mais recentes manifestações literárias que tecem uma amostra significativa de suas inquietações, pontos de vista e reflexões (pessoais e sociais), num caleidoscópio expressivo, fluido e inteligente. Ler sua obra é descobrir sua humanidade comprometida e solidária.

Antonio Miranda
Poeta e Professor Emérito da Universidade de Brasília



Para quem desejar adquirir o livro da minha amiga Marias das Graças Targino, é só observar a mensagem e as orientações abaixo e enviar e-mail para: gracatargino@hotmail.com

Eu já solicitei o meu exemplar e aguardo ansiosa sua chegada, quero devorá-lo por inteiro. 

E para sentir o livro, é só fazer a leitura, conforme o contexto.



IDEIAS EM RETALHOS:
sem rodeios nem atalhos


MARIA DAS GRAÇAS TARGINO



Prezados Companheiros,


Depois de exatos seis anos, estamos de volta, com novo livro de crônicas, distantes do tecnicismo e próximos de nosso dia a dia. São reflexões acerca de temas que perfazem a vida das pessoas “comuns”, como eu e você. São 90 textos, alguns dos quais controversos ou instigadores à meditação, à imaginação e / ou ao sonho. São temas que interessam a um e a outro, porque tratam, literalmente, de ideias em retalhos: sem rodeios nem atalhos. Não há sequência rígida. Não há imposições. Os textos nem seguem rótulos nem tampouco fórmulas, o que permite sua leitura a torto e a direito.

A aquisição se dá de forma simples: por e-mail, remeta o endereço para envio e deposite o valor de R$ 40,00 (quarenta reais) com frete incluído em qualquer dessas contas:

Caixa Econômica Federal                                                     
Agência: 0855                                                                          
Operação: 001                                                                        
Conta Corrente: 000027-0

Banco do Brasil
Agência: 4708-2
Conta: 31.714-4



Muito grata e um abraço, Maria das Graças Targino

8 comentários:

  1. Querida Ana Luiza, mil vezes grata por seu carinho! Seu exemplar, como lhe avisei antes, segue amanhã! Cheiros mil! Maria das Graças Targino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será muito bem-vindo a minha biblioteca particular.

      Excluir
  2. Ideias em retalhos: sem rodeios nem atalhos faz parte dos livros que deixo na "mesinha de cabeceira" para ler e reler a qualquer hora. É leitura de qualidade é leitura de verdade...Também presenteei 3 amigas e elas adoraram o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maravilha! Vamos então divulgar mais, por aqui, já contamos com muitos acessos. Leitura boa tem que ser compartilhada e apreciada.

      Excluir
  3. Alisson Dias Gomes8 de janeiro de 2015 16:10

    Parabéns pelo trabalho!
    Conheço a autoria e sei da sua capacidade de sintetizar em palavras, sentimentos e experiências... Leitura obrigatória para quem quer estar em dia com a atualidade e o autoconhecimento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alisson,
      Grata pela visita e pelo comentário positivo junto à obra de Maria das Graças Targino.

      Excluir