quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Viva 2015!


Fim de ano velho...

Passando por uma das ruas de Fortaleza, no dia 31, deparei-me com um muro poeticamente decorado. Foi, então, que resolvi iniciar as postagens de 2015 com uma epígrafe da gigante Rachel de Queiroz.


Início de Ano Novo!

A sábia e realista Rachel de Queiroz imortalizou a dura frase, que por trás revela, nada mais, nada menos, do que os percalços pelos quais passamos na vida, sem eles, não seria vida. 

Essa é a leitura que faço da realidade de Rachel:

Ninguém vive por você, poderá fazê-lo com você. É responsabilidade de cada um vivê-la intensamente. É evidente que as pessoas que passam por nós fazem parte do contexto, mas a leitura é de cada um, não pode ser dividida. 

Ler e interpretar a vida, para viver a partir desse resultado, é tarefa de cada um, daí podemos dividir com quem merecer.

Viva 2015!



Vida?
 "A vida eu acho que ensina surrando". "A vida é uma tarefa que não pode ser dividida com ninguém".
Rachel de Queiroz 

Nenhum comentário:

Postar um comentário